O uso da ISO 14001 para as indústrias

fev 3, 2020

5 dicas sobre gestão financeira de fazendas

A busca por harmonia entre os fatores sociais, ambientais e econômicos de uma empresa, também conhecidos como tripé da sustentabilidade, tem se tornado constante em organizações e indústrias, que por sua vez precisam modernizar seus sistemas de gestão para atingir esse equilíbrio.

Uma das maiores preocupações e dificuldades é possuir um sistema de gestão sustentável com foco em soluções ambientais que evitem desperdícios e contribuam positivamente com o meio ambiente, sendo que vários fatores devem ser considerados nessa análise, como: origem da matéria-prima, formas de produção, exposição dos funcionários e descarte de produtos.

Para ajudar as indústrias a colocarem no foco de seus sistemas de gestão a questão ambiental, existe uma norma regulamentadora: a ISO 14001.

O que é a ISO 14001

A ISO 14001 é uma norma ABNT que estabelece padrões a serem seguidos pelas organizações para a implementação de um sistema de gestão ambiental eficiente. Desta forma, a certificação ISO 14001 é recomendada a empresas que querem estar de acordo com ações sustentáveis, com o foco na melhoria de seus sistemas de gestão de forma estratégica.

Para atender a todo o ciclo de vida do produto nos sistemas de produção e sua gestão, a norma passou por uma mudança, sendo sua versão mais recente a ISO 14001:2015, que incorpora práticas empresariais modernas, simplificação de documentos, foco no desempenho ambiental e na importância da liderança.

Para que serve a ISO 14001

A ISO 14001 certifica empresas com base em diretrizes de um sistema de gestão sustentável, para isso ela tem como objetivos principais:

  • Proteger o meio ambiente com a prevenção ou mitigação dos impactos ambientais adversos;

  • Mitigar os potenciais efeitos adversos das condições ambientais na organização;

  • Auxiliar a organização no atendimento aos requisitos legais e outros requisitos;

  • Controlar ou influenciar o ciclo de vida do produto para prevenir o deslocamento involuntários dos impactos ao meio ambiente;

  • Alcançar benefícios financeiros e operacionais que resultem na implementação de alternativas ambientais, que reforçam a posição da organização no mercado;

  • Comunicar as informações ambientais para as partes interessadas nas organizações.

Como aplicar a ISO 14001 em indústrias

Para que a indústria obtenha a certificação conforme a ISO 14001, o primeiro passo é realizar uma auditoria interna, que deve ser realizada por consultores certificados nessa norma.

Esta auditoria irá apontar os processos internos que devem ser ajustados para atender aos requisitos da ISO 14001. Esse processo de adequação à norma pode variar de um a dois anos, aproximadamente, o tempo vai depender da disponibilidade da equipe para a realização das mudanças e do porte da empresa.

Para ajudar nesse processo de aplicação de um sistema de gestão com base na ISO 14001, é essencial estudar sobre essa norma, assim, os gestores da indústria já terão em mente que mudanças podem vir a ocorrer.

Entendendo as mudanças, é necessário que os colaboradores que estarão envolvidos no processo tenham consciência da importância delas e trabalhem em prol da sua implementação.

Além disso, formar profissionais internos, como auditores da ISO 14001, pode acelerar o processo de implementação e dar suporte a sua manutenção.

Mas, sem o gerenciamento correto desse processo, a implementação de um sistema de gestão pode ter um custo alto, principalmente relacionado ao tempo gasto.

Pensando nisso, a Magistech oferece sistemas de gestão integrados para indústrias capazes de controlar de forma eficaz as movimentações da empresa.

Como soluções desenvolvidas para a área de produção de leites, por meio de um sistema para laticínios que automatiza processos, reduz custos, evita fraudes e aumenta a confiabilidade dos registros.

Veja mais: ERP | Sistema SAP | Sistema ERP

Cadastre na nossa newsletter e receba nossas novidades!

Integração
Captcha obrigatório

Últimas Notícias

Os assuntos mais relevantes do momento sobre gestão, inovação, tecnologia e agronegócio.