Por que é tão importante aplicar a gestão de custos na sua indústria de laticínios?

jul 27, 2021

5 dicas sobre gestão financeira de fazendas

Qualquer processo, controle, etapa ou mecanismo que tenha o objetivo de fazer uma indústria de laticínio andar no caminho certo para atingir suas metas e se manter no mercado de forma competitiva é importante. A gestão de custos é um desses itens e ganha destaque por estar diretamente ligada à formação do preço de venda do produto e, consequentemente, é determinante na definição estratégia para adquirir maior lucratividade do negócio. Por isso, deve ser encarada com seriedade pelos gestores e feita de maneira constante, pois, sem essa prática, aumenta a possibilidade de perda de controle e surgimento de incoerências nas finanças.

Mas afinal, o que é custo de produção e, porque devo controlá-lo?

Os custos são todos os valores ligados diretamente à fabricação e produção láctea. Sendo assim, matéria-prima, depreciação de máquinas e equipamentos, mão de obra produtiva, entre outros, são considerados custos, porque fazem parte do processo de produção. Já as despesas são os recursos necessários para manter o funcionamento e a administração da empresa, porém, sem estarem diretamente vinculados ao processo de fabricação.

Saber o custo de um produto significa entender sobre a sua margem de contribuição, ou seja, quanto vai “sobrar” do seu preço de venda, após a subtração dos custos e despesas variáveis (custos da venda, matéria-prima, tributações) do produto, esse valor será o lucro bruto da venda e deve ser usado para quitar os custos e as despesas fixas.

A partir do momento que os empresários e gestores conhecem os custos da sua produção, podem fazer sua gestão com muito mais profundidade, melhorando processos, investindo com mais assertividade, evitando desperdícios, aplicando melhor as ferramentas disponíveis, dentro outros pontos importantes, deixando assim, o orçamento mais exato e contribuindo para uma gestão financeira eficiente de todo o negócio.

 

 

Quais são os benefícios da gestão de custos?

As funcionalidades do sistema de Gestão de Custos da Magistech estão diretamente relacionadas à correção das limitações percebidas nos atuais sistemas de custos, além daquelas definidas pelos princípios de gestão estratégica de custos. Nesse sentido, as características do sistema são as seguintes:

• Critérios eficientes de rateio
Utilizar os principais direcionadores de custos (cost drivers) dos processos industriais e implementar critérios de rateio eficientes e de fácil compreensão para a indústria.

• Controle efetivo do processo produtivo
Através do sistema de custo da Magistech é possível realizar, de forma satisfatória, o controle de departamentos, despesas, estoque, produção, colaboradores do setor de produção e utilização de matéria-prima.

• Aumento da lucratividade
Através da aplicação e formação de preços de vendas de forma que não comprometam as margens objetivadas pela empresa.

• Resultados consistentes
Através de uma análise precisa dos resultados, é possível ter informações corretas e importantíssimas para tomadas de decisão, sabendo de que forma cada produto contribui para o resultado final.

• Precisão na negociação com clientes
Através de análises na formação do preço de venda que permitam identificar o comprometimento da margem de lucro desejada pela empresa sobre os preços de cada produto negociado. Promover produtos na hora certa.

• Aumento de competitividade comercial
Através de aplicação de preços de forma precisa levando em consideração os custos diretos e indiretos, de fabricação e/ou aquisição e despesas comerciais é uma informação com coloca a empresa preparada para a concorrência.

• Identificação de distorções entre custo real e padrão
Permitindo a empresa ajustar os desvios de seu plano orçamentário, bem como preços de seus produtos.

• Auxílio de profissionais especializados em gestão de custos
Reduzir a necessidade de interação dos usuários com o sistema de gestão de custos e a necessidade de conhecimento prévio sobre sistemas de custos.

 

 

Apuração dos custos na indústria de laticínios

A análise dos métodos adotados pelos laticínios para controlar os custos de produção mostra que grande parte calcula os custos unitários dos produtos através de contabilidade separada por centros de custo, rateio simples de despesas ou fórmulas que relacionam o custo final dos produtos ao preço do leite. Esses métodos são inadequados principalmente porque nem todos os custos variam proporcionalmente ao consumo de leite. Além disso, os métodos não permitem a identificação dos geradores de custos nos laticínios.

O leite é uma matéria-prima que gera inúmeros produtos finais como queijo, manteiga, coalhada, iogurtes, entre outros. Para cada tipo de produção existe um diferente custo, e sendo o leite um produto tão dinâmico, a apuração dos custos na indústria se torna também mais complexa.

Isso mostra que, além do desenvolvimento de sistemas informatizados e/ou métodos mais eficientes para controle de custos, investimentos em treinamentos são potencialmente eficientes e necessários para orientar o processo de identificação e controle de custos na indústria de laticínios.

Já sabemos o quanto é essencial controlar os custos do negócio para garantir a manutenção da saúde financeira do seu laticínio. Quando realizado de forma errônea, esse controle interfere nos resultados, implicando queda na produtividade e no faturamento.

Como o consumo e os ganhos acontecem gradualmente, essa conta tem de ser refeita de forma sistemática para que nenhum dado fique de fora. Por isso, a coleta de dados deve ser rigorosa e um sistema de Gestão do Custo, integrado ao ERP Magis TI, é recomendável para garantir máxima precisão nos resultados.

Com o intuito de oferecer um monitoramento permanente e integrado com o ERP Magis Ti, a Magistech oferece um sistema de gestão de despesas e custos para as indústrias de laticínios que trabalha desde a organização do seu desenho industrial, o controle das matérias-primas, insumos, ingredientes e embalagens, assim como a validação de informações contábeis de gastos e despesas que serão incorporados ao custo dos produtos. A definição de direcionadores de custos e disponibilização de vários relatórios demostram a participação de cada produto na estrutura de custo da empresa.

Além disso, a solução proporciona a correta verificação de custos diretos e indiretos e reúne as melhores práticas de mercado, que permitem aos laticínios saberem exatamente quais são os custos que envolvem seu processo produtivo, bem como as despesas relacionadas ao processo de comercialização dos produtos.

Por isso, a ferramenta, junto a consultoria da Magistech, tem como principal objetivo o fechamento do custo de produção baseando nas informações constantes no sistema Magis TI, envolvendo os seguintes pontos:

  • Levantamento e análise dos custos do leite adquirido (produtores e terceiros);
  • Levantamento do Custo do Soro e do Creme (produzido e adquirido de terceiros)
  • Organização dos produtos fabricados por linhas de produção.
  • Definição do rendimento esperado das linhas de produtos industrializados;
  • Levantamento dos insumos e embalagens utilizados na produção com os desvios que por ventura acontecerem;
  • Definição e controle das Formulações das Linhas de Produção (matéria-prima base e insumos utilizados na sua fabricação);
  • Definição das Formulações dos Produto (embalagens primárias e secundárias utilizadas);
  • Apuração e controle dos estoques em quantidades e valores (leite, creme, soro, insumos, ingredientes, embalagens, produtos acabados, produtos em processo, e demais linhas de produtos envolvidas na produção (químicos, uniformes, material de limpeza, etc.);
  • Definição da forma de rateio dos gastos gerais de industrialização (contas de energia, salários, ou seja, todas as contas ligadas a fabricação);
  • Apuração e análise do custo de industrialização real e esperado (padrão);
  • Apuração dos custos de cada produto em diferentes fases do processo produtivo, desde os custos diretos, industriais, administrativos, de apoio e comercial.
  • Atualização dos valores de custo dos produtos acabados e também dos produtos em processo (caso existam) como os valores dos custos obtidos;
  • Fechamento contábil relativos à “apuração dos custos de produção no período” e “custo dos produtos vendidos”

Nosso propósito é disponibilizar uma ferramenta e capacitar profissionais dos laticínios por meio de consultorias, implementar e promover eficiência na gestão por meio de um sistema completo, integrado e com tecnologia em gestão, garantindo assertividade das informações e proporcionando o melhor custo-benefício na gestão de custos industriais.

 

 

Cadastre na nossa newsletter e receba nossas novidades!

Integração
Captcha obrigatório

Últimas Notícias

Os assuntos mais relevantes do momento sobre gestão, inovação, tecnologia e agronegócio.

Você sabe o que é CFOP?

Você sabe o que é CFOP?

Código Fiscal de Operações e Prestações conhecido por sua abreviatura CFOP.

O Código Fiscal de Operações e Prestações, conhecido por